terça-feira, 13 de setembro de 2011

Equinócio e Solstício. O que é Isso?



 
O movimento de translação da terra consiste na volta que ela descreve ao redor do sol. Essa volta dura um ano.
A terra apresenta também uma ligeira inclinação (23°30’) frente à sua órbita.
Esses dois fatos conjugados produzem uma diferença entre a iluminação do hemisfério norte e a do hemisfério sul. Essa diferença varia no decorrer do ano.
Durante alguns meses, o hemisfério norterecebe maior quantidade de luz solar que ohemisfério sul. Depois, durante outros meses, ocorre o inverso, pois o movimento da terra ao redor do sol, com seu eixo sempre inclinado na mesma direção, faz com que o hemisfério sul receba mais luz solar que o hemisfério norte. 

 
equinócio2


Isso explica por que quando é inverno no sul é verão no norte e vice-versa. Explica também, por que em certas épocas do ano os dias são mais compridos que as noites e em outras são as noites que são mais compridas que os dias.

Equinócio significa “dia e noite iguais”, ou seja, no dia do equinócio, a duração do dia (período claro) é exatamente igual à duração da noite (período escuro).
Nos dias de equinócio, os raios solares estão exatamente perpendiculares à linha do Equador, não iluminando nenhum hemisfério mais que o outro.

São dois, os dias de equinócio durante o ano: 21 de março e 22 de setembro. Nesses dois dias, a noite e o dia têm exatamente a mesma duração.

O dia 21 de março é chamado de equinócio de primavera no hemisfério norte e deequinócio de outono no hemisfério sul.
Consequentemente, o dia 22 de setembro é conhecido como equinócio de outonono hemisfério norte e equinócio de primavera no hemisfério sul.

 
equinócio1


Solstício significa “dia e noite extremamente desiguais”, ou seja, um deles dura muito mais que o outro.
São dois os dias de solstício durante o ano: 21 de junho e 22 de dezembro.

No dia 21 de junho, devido à inclinação do eixo terrestre e à posição da terra em relação ao sol, os raios solares estão exatamente perpendiculares ao Trópico de Câncer, situado a 23°30’ no hemisfério norte. Assim, nesse dia, a parte norte do planeta recebe mais luz solar que a parte sul. No sul, a noite é bem maior que o dia; no norte é o inverso, o dia é que é bem maior.

No dia 22 de dezembro, os raios solares são exatamente perpendiculares ao Trópico de Capricórnio, situado a 23°27’30’’ no hemisfério sul. Nesse dia a parte sul do planeta recebe maior quantidade de luz solar que a parte norte. Portanto, o dia no hemisfério sul é bem maior que a noite; no hemisfério norte ocorre o inverso, a noite é que é bem maior.

O dia 21 de junho é chamado de solstício de verão no hemisfério norte (é o dia mais comprido do ano e consequentemente a noite mais curta) e solstício de inverno no hemisfério sul (dia mais curto do ano e noite mais comprida).
O dia 22 de dezembro inverte, ou seja é solstício de verão no hemisfério sul esolstício de inverno no hemisfério norte.

Concluindo:
Nos equinócios (tanto de primavera quanto de outono) os dias e as noites têm a mesma duração.
No solstício de verão teremos o dia com a maior duração do ano e consequentemente a menor noite.
No solstício de inverno teremos a noite com a maior duração do ano e consequentemente o menor dia.

Nenhum comentário:

Seguidores