segunda-feira, 30 de abril de 2012

O que são Bloqueios ?


COMO ATRAIR TUDO

Seja o Mestre da Sua Vida e o Dono do Seu Mundo


Bloqueios

Medo é o mecanismo de defesa natural da mente que te coloca na posição de sensaçãode perigo, angustia e dúvida para te proteger, porém, muitas vezes o medo são reflexos de ilusão da mente. Um exemplo clássico, é o medo que muitas mulheres sentem de barata. Todas, sabem que a barata é incapaz de causa-la algum mal, mas mesmo assim ao ver uma barata a mente transmite a energia de perigo que causa o medo.E se você deseja algo e de alguma maneira sente medo é porque você tem algum bloqueio, que deve ser eliminado limpado para que você possa prosseguir.
Medos que bloqueiam
Quanto mais medo temos mais nos afastamos daquilo que desejamos. E quanto mais nos afastamos começamos a entrar no pensamento de desespero, angustia, raiva e mais e mais coisas ruins, com isso transformamos as nossas vidas em constantes problemas.
Isso é a lei da atração, “somos o que pensamos”. Pessoas que aparecem em nossas vidas que nos fazem de alguma forma sofrer, seja ele um chefe, um vizinho, um amigo, um namorado/esposo, estão em nossas vidas simplesmente para cumprirem aquele papel, que infelizmente inconscientemente atraimos para nós. A solução é começarmos a nos auto analizar em cada situação ruim, tomarmos consciência dos nossos medos e anseios e assim positivamente agirmos contra isso.
Para deixar isso claro vou falar de mim e de muitos medos que ja senti na vida e que felizmente fui limpando e assim me desbloqueando e aos poucos transfromando os meus desejos em realidade utilizando entre muitas as técnicas da lei da atração.
Meu cenário, estudei me graduei, fiz 2 pós graduações sendo uma internacional. Tive bons empregos com bons salários, porém vivia em dívida, vivia sem dinheiro e nunca tinha o suficiente para realizar os meus desejos. O pior que convivia com pessoas que ganhavam menos que eu e sempre tinham mais, mais roupas, viajavam mais, mais tudo. Isso me frustava muito.
Bem quando tomei conhecimento que “somos o que pensamos e acreditamos” comecei então num processo intenso de auto-análise, porém, só tomar conhecimento nao desfazia o problema e para isso descobri as técnicas que explico aqui e com elas hoje em dia posso respirar em paz. Tenho ainda muitos monstros que crio na minha vida, porém, decidi abrir este site para apoiar os que assim como eu, ja viveu ou vive uma vida de frustaçãoe constante problemas.
Relativos ao dinheiro os meus medos eram muitos e nem me lembro mais de todos vou relatar alguns:
“O dinheiro só traz brigas na minha familia, o dinheiro traz desunião”. (Ou seja, o dinheiro é coisa ruim)
“Não preciso de muito dinheiro, só quero poder viver confortavelmente”.  
“Gente rica é mesquinha”
“Tenho medo de ter dinheiro, assim realizar todos os meus sonhos e dai não ter mais motivo e razão para viver e morrer” (:D, bobinha que era, nem imaginava que a vida é muito mais que o meu próprio umbigo)
“Quero morar naquela casa" e ao mesmo tempo, "se eu morar naquela casa vou ser alvo de assalto”
“Quero uma casa com piscina" e ao mesmo tempo pensava "piscina é perigoso para crianças, meu filho pode se afogar” (existem tantas soluções para evitar uma tragédia dessas, então para que sofrer em antecedência? Isso era falta de permissão interna, para realizar os meus desejos)
Mais os medos mais profundos mesmo eram os que estavam no meu subconsciente, que fui percebendo e descobrindo aos poucos:
“Como que eu posso ter tanto dinheiro se eu sou a caçula da minha casa? Não quero causar inveja em meus irmãos eu os amo tanto”
“Não mereço ser muito rica, meu pai trabalhou muito mais do que eu e nem chegou próximo do que tenho” (limite de abundância - a mensagem que tinha imbutida aqui era a de que não poderia ter mais, e quando tinha, eu inconscientemente criava alguma situação para me fazer perder o dinheiro)
Não mereço esse emprego” - (Minha irma é tao mais inteligente que eu e esta desempregada) (Com isso criava situações diárias de desconforto no ambiente de trabalho, inclusive com chefe que queria me pisotear que nem a uma barata :)
Não mereço esse carro, foi tão fácil comprar. "Comprei á vista, e o meu irmão comprou o dele mais barato que o meu e em várias prestações” (Inconsciente falta de permissãopara ter carro bom - Pedido de "Por favor roubem o meu carro, ou destruam o meu carro em algum acidente de trânsito" - Criei vários do tipo  )    
“Nossa o meu salário é o maior salário da minha família, não posso contar para ninguém senão vou chateá-los” (Inconsciente falta de permissão própria para ter salário melhor) (Porém, o que a minha família mais queria e quer é me ver feliz e bem sucedida no que eu desejar, ou seja, eu não me dava permissão, e não eles.) (Resultado dívidas )  
Enfim eu sempre sonhava em ser bem rica e poder ajudar comunidades carentes, mas ao mesmo tempo eu não tinha permissão interna para isso.
Com isso, fazia todos os exercícios da lei da atração e nao conseguia manifestar nada. Porém, quando descobri estas técnicas e comecei a aplicar em mim a minha vida comecou a fluir melhor.
Ninguém manifesta algo, com pensamentos conflitivos, pensamentos opostos. Eu quero um emprego, mas vai a uma entrevista com medo de não passar na entrevista, ou porque acha que o emprego é muito bom e que não qualificação suficiente, porque mentiu ou escreveu meias verdades no currículo, ou porque vai a uma entrevista para um emprego que ele não quer realmente fazer aquele trabalho.
Ou, eu quero Aquele carro, mas no fundo não acredita que pode ter, ou o pior, muda de idéia diariamente, nao sabe exatamente o que quer e dai pede para Deus fazer o que for melhor. Sabe o que Deus e o Universo faz? Te deixa na mesma situação. ocê quer realmente algo? Como que é? Que cor que tem? e assim por diante.
O problema maior de tudo isso esta no que é chamado de “subconsciente coletivo” nós brasileiros, vivemos em uma país de muitas contradições, existe muita pobreza, muito desemprego e coisas ruins e como pensamentos são energias, que nem sinal de estaçãode Rádio ou TV, nós captamos essas ondas negativas relativas ao dinheiro e começamos inconscientemente a construir paredes contra abundância.
Existem muitas teorias que explicam de maneiras diferentes como que armazenamos esses lixos / falsas crenças / percepções equivocadas em nosso subconsciente.
Umas dizem que trazemos de vidas passadas são os que eles chamam de Karma negativo, outros cientistas dizem que recebemos esta pré-programação na hora da nossa concepção atravéz do DNA que nossos pais nos passam, ou dizem que começamos a captar isso desde a barriga da mãe, outros dizem que é depois que nascemos mas o que todas estas teorias confirmam é que ao completarmos 18 anos nosso sistema de crenças ja esta todo prontoe que intensamente sao aramazenados nos primeiros 3 anos de vida.
Ou seja, seja la qual for a teoria correta o que eles concordam é que trazemos estas nossas programações desde a nossa infância e principalmente em nossos 3 primeiros anos de vida, e isso para qualquer coisa, boa ou ruim. E isso captamos atravez da energia do ambiente em que vivemos. Como ja provado por Einsten que a base de tudo e qualquer objeto ou ser vivente deste mundo é a Energia E = mc^2 \,\!
Se a energia da familia é a de escacez “Não tenho dinheiro suficiente, dinheiro não é bom” etc.. é isso que será implantado no nosso subconsciente. Porém, é necessário primeiro a começar a limpar os pensamentos negativos que temos consciência, e assim vamos nos liberando e liberando informações equivocadas que estão também em nosso subconsciente. È um trabalho diário e de alerta constante, no meu caso eu vivi 30 anos de programaçõesequivocadas e isso me custou mais uns 5 anos para eu redesprogramar atravéz de exercícios e auto-análises.
Os exercícios e informações que passo aqui sao descobertas recentes, talvez se soubesse disso aos meus 30 anos teria conseguido resultados mais rápidos.
Bem, existem muitas mais coisas interessantíssimas eu vou postar livros que te ajudarão a entender melhor, quanto mais você lê e entende sobre o poder da sua mente e aprende a relacionar qualquer que seja a situação ruim que esta na sua vida a sentimentos mais fácil e rápido vai sendo para você realizar seus desejos, porém volto a dizer, sem exercícios de amor próprio você estará sempre limpando o efeito e não a causa.
Por exemplo, se eu me amasse eu teria permissão interna para aceitar de que merecia ter dinheiro e viver em abundância, a prática de exercícos para amor-próprio começa a fazer brotar em seu consciente os bloqueios que você traz em relação ao seu problema. Como ja falei também ele deve ser utilizado pela vida inteira, pois, assim uma vez que você limpou uma falsa crença você se mantêm livre de criar outras, que inevitavelmente você pode vir a pegar do “consciente coletivo”.
Para concluir, os que pensam que nem eu ja pensei um dia que “eu não preciso ser muito rica, só quero ter o suficiente para ter uma vida confortável” eu digo que isso é um pensamento egoista, pois, se você tiver o suficiente só para você significa que você nãoterá para ajudar o próximo.
Por outro lado, se você tomar consciência de que quanto mais dinheiro você tiver, mais e mais, coisas boas você pode fazer neste mundo, estaremos assim comecando uma nova era de pensamento positivo e afetando mais e mais nossas gerações futuras. Imagine que lindo seria vivermos em um mundo onde todos tem acesso as coisas boas que este mundo nos oferece. Um mundo onde sem pessoas famintas, que se respeitam  e automaticamente um mundo sem guerras.
Tenho uma amiga evangélica que um dia me disse que eu estava no caminho do diabo, porque o dinheiro é coisa do diabo, porém essa amiga queria ser voluntária em campo de refugiados em um país na Africa, entao eu disse a ela. Bem, se o dinheiro é coisa do diabo, como que as pessoas dos campos de refugiados poderao comer sem tê-lo? Você acha que ir lá ajudar nas tarefas diárias é suficiente? Pois você esta saciando a sua mente, mentindo que você esta realmente fazendo algo de útil? Ela arregalou os olhos e me disse, “nao estou mentindo, pelo menos estarei lá fazendo algo de útil” entao, eu disse a ela, Você acha que para elas ter o que comer e dormir em barracas é tudo que elas merecem? E se ao invéz de ir lá e ser somente mais uma mao de obra e boca para comer, você tivesse dinheiro e pudesse abrir uma casa, com escola, comida e conforto e pudesse dar um lar para estas pessoas? Você nao acha que seria mais efetivo? 
Levei anos para aprender isso, mas hoje eu compreendo e sei que “Gente rica, nao é necessariamente mesquinha” muitas só nao sentem a necessidade de falar sobre as benfeitorias e caridades que elas fazem, pois, elas ja estao transformadas e entendem que nao precisam provar nada a ninguém além de provar a elas mesmas.
Bem, pense nisso, o dinheiro é somente uma energia, assim como ja disse Albert Einsten a base de tudo no mundo é a energia. Quanto mais dinheiro você tiver mais oportunidades e coisas boas e efetivas você poderá fazer ao invéz de ter o suficiente somente para saciar a sua fome e necessidades.
Eu foquei aqui somente no dinheiro porque com apenas 4 dias deste website, recebi 18 e-mails e entre eles a maior solicitacao era referente a dinheiro, porém tudo que disse aqui se aplica para qualquer outra área da vida. Leia mais e va transformando a sua vida eu estou aqui no meu processo que acredito que será eterno, tenho tanto “lixo” que ás vezes me espanto e surpreendo comigo mesma. 
Agora desejo que você consiga fazer o mesmo por você, eu acredito em você, você leu até aqui, e saiba que sou grata por isso. Você merece ser feliz, você merece viver em harmonia e abundância. Acredite em você.

Skype: info@comoatrairtudo.com

http://www.luminariasiluminare.com.br/
http://iluminareluminariascontemplativas.blogspot.com.br/

Reconectando-se Com o Espírito do Dinheiro




ascension101.com por Inelia Benz.

Chamou a minha atenção que repetidamente os trabalhadores da luz ou pessoas que estão em sua jornada de alma parecem ser pobres. Elas parecem ter um monte de problemas para atrair dinheiro em suas vidas.

Obviamente não é todo mundo que é assim, mas tem sido um padrão muito forte entre curandeiros, videntes, e os trabalhadores que buscam a ascensão. Eu não vou entrar na questão do porque isto ocorre, porque, basicamente, isso não é importante. No entanto, quero salientar que você vai ter que trabalhar através de seus próprios bloqueios pessoais que estão criando este problema em particular em sua vida e o exercício que vamos fazer mais tarde vai permitir que você identifique qual é seu problema particular e corrigi-lo, curá-lo. Depois de aprender este exercício você realmente precisa fazer isso uma ou duas vezes por dia, de preferência depois de ter feito a sua meditação.

A coisa mais importante sobre o dinheiro que você precisa entender é que ele é um ser de energia, ele está vivo.
Pense nele como um Elemental, muito poderoso, Elemental muito importante.
Eu ia dizer que é provavelmente o Elemental mais importante na sua vida hoje. Isso é por causa da natureza do mundo no qual estamos vivendo! Especialmente se você está vivendo em um país ocidental, onde você precisa ter dinheiro para sobreviver.
Dinheiro permite que você faça as coisas mais básicas, tais como beber água fresca, ter um lugar para viver, ter roupas em seu corpo, ser capaz de se expressar criativamente. Comer todos os dias. As coisas mais básicas da vida são adquiridas com a troca de dinheiro, por isso é extremamente importante.

Outro aspecto do dinheiro que eu gostaria que você entendesse é que o dinheiro não é mau. Algumas pessoas vão usar o dinheiro de uma forma negativa, mas o dinheiro em si não tem nada negativo sobre ele. Uma vez que você identifique e entre em contato com a energia do dinheiro, você vai ver por si mesmo. Não há absolutamente nada de negativo sobre o dinheiro. Inclui tudo, é criativo. É quente, é lindo. E eu quero que você seja capaz de experimentar isso.

Para este exercício você vai precisar de algum dinheiro para segurar. As notas são melhores do que moedas, mas se você não tem nenhuma no momento, a moeda irá servir. Mas da próxima vez, tente ter uma nota, e quanto maior a nota melhor.

Coloque a nota entre as duas palmas das mãos, repousando suavemente na frente de você. Vai parecer um pouco como se estivesse rezando, mas deixe suas mãos descansando na sua frente de modo que fiquem confortáveis.
É muito importante, enquanto você está fazendo este exercício, que não peça coisas. Tenho notado que há uma tendência das pessoas, quando estão em contato com dinheiro ou quando sentem que eles estão começando entrar em contato com dinheiro, para começar a pedir coisas. Você sabe, 'Oh, eu quero um carro novo, eu quero um novo emprego, eu quero dinheiro para comprar comida, eu quero tudo "- você sabe, não faça isso.

Pense nisso como se você estivesse indo se encontrar e fazer um novo amigo, e se você estiver indo fazer um novo amigo, você não vai começar, pedindo-lhe coisas.

O que vamos fazer, é primeiro se familiarizar com a energia do dinheiro. E então nós vamos permitir que se expresse no nosso campo de energia. Isso é tudo que vamos fazer agora.

Então segure o dinheiro entre as palmas das mãos e limpe sua mente.
Em seguida, vamos sentir a nota. Apenas sinto ela. Senti-la entre as palmas das mãos. Permitir que ela esteja lá.
Logo ela vai começar a emitir calor. Há um pouco de calor saindo dela. Essa é a primeira assinatura que você irá identificar sobre o dinheiro. É quente.
Eu quero que você diga 'oi' e diga que você permite que ela se expresse para você.
E depois é só escutar.

Aquiete sua mente e ouça.

Veja se alguma imagem, algum pensamento vêm à sua mente e permita que isso aconteça.

A primeira vez que fiz isso, eu realmente tive uma imagem de minha mãe puxando uma nota para longe de mim, longe da minha boca, me apressando para o banheiro e lavando a minha boca, me dizendo o quão sujo dinheiro era e que eu nunca deveria colocar dinheiro na minha boca e que eu deveria sempre lavar as mãos depois de eu tocar no dinheiro.

Obviamente que me chocou, e causou um enorme bloqueio porque eu não poderia permitir que o dinheiro em minha vida, você sabe, que o dinheiro me tocasse, era sujo.

Fiquei realmente muito surpresa quando vi essa imagem, quero dizer que eu tinha esquecido completamente sobre isso. Então eu agradeci a ela, e eu a liberei.

E se você está recebendo qualquer tipo de feedback negativo a partir deste exercício, que é tudo que você tem a fazer - apenas agradeça a imagem, os sentimentos, bloqueios, e libere-os. Eles estão aparecendo agora para que você possa liberá-los.

Levei algumas semanas para trabalhar através de vários bloqueios e, eventualmente, eu era capaz de ficar sentada e apenas deixar o dinheiro expressar-se para mim.

E a próxima etapa é permiti-lo em seu campo de energia. Seu campo de energia é a sua vida, é você. É o seu corpo, seus pensamentos, suas emoções, sua realidade.

Então, quando você tem um feedback, bem positivo do dinheiro, e você está permitindo que ele se expresse com você completamente e totalmente, eu quero que você peça para ele entrar em sua vida. A entrar em seu campo de energia.

E posso dizer-lhe que vai ficar extremamente feliz em fazê-lo, porque o dinheiro não gosta de nada melhor do que ser abundante em sua vida. Essa é a única maneira que pode expressar-se - sendo abundante, para estar em todos os aspectos da sua vida.

Então, traduzindo em um nível prático, basicamente, você deve deixar a nota entre as suas mãos aquecer.

Permita que ela aqueça, você permite que ela se torne quente mesmo. E permita que o calor cresça, e abranja você. Para entrar em sua vida, o fluxo dela, o amor dela.

A assinatura, que você vai encontrar, é extremamente semelhante à da Mãe Terra, porque elas são uma mesma coisa. Acolha-a, abrace-a.

Depois de terminar, diga obrigado para o Elemental do dinheiro por ter se manifestado plenamente para você. Abra seus olhos se estiverem fechados, e guarde o seu dinheiro. Lembre-se, você deve fazer este exercício pelo menos uma vez por d

domingo, 29 de abril de 2012

A Ciência e os Crop Circles


ASSOMBROSO O QUE OS CIENTISTAS ESTÃO REVELANDO COM RESPEITO ÀS NOVAS MARCAS NOS TRIGAIS DA INGLATERRA E DE OUTROS PAISES. 


O Crop Circle (sinais gigantescos que aparecem em frações de segundos, normalmente nas plantações de trigo da Ingaterra, cuja origem ninguém conseguiu decifrar) Willton Windmill de 22 de maio de 2011 foi revelado pelos cientistas ao mundo – que ficaram absolutamente perplexos – como sendo a equação de Euler e uma contagem regressiva misteriosa.

Nota: Equação de Euler-Lagrange é uma equação diferencial – usada para construir modelos matemáticos de fenómenos físicos tais como na dinâmica de fluidos e em mecânica celeste. Deste modo, o estudo de equações diferenciais é um campo extenso na matemática pura e na matemática aplicada – em que as soluções são funções nas quais uma dada função é estacionária.

A figura mostra um código ASCII com uma mensagem que pode ser decodificado em 9 dígitos do código binário.Vários matemáticos da University College de Londres, continuam atordoados com o que vêem como incrivelmente inteligível à primeira vista. independent.co.uk

A cobertura do círculo sobre a colheita se estendeu muito além da imprensa britânica, levando acadêmicos transdisciplinares, cientistas, matemáticos e biogeneticistas convergirem para a interpretação do código, demonstrando a excelência do tempo e da hora. Por ser sem precedentes, objetivamente é a primeira vez na história, no nível acadêmico que recentes declarações de Stephen Hawking somadas a muitos outros cientistas, levaram a decodificação dos círculos nas plantações.

Então, vamos apresentar no quadro da equação de Euler, uma situação em que há um consenso geral na comunidade científica. (Abaixo do texto)

E a partir daqui, nós apresentaremos em detalhe a hipótese de vários trabalhos, que nesta fase mantem-se em sintonia com toda a comunidade científica.No diagrama acima, todos concordamos com o correspondente código de interpretação das regras decodificadas ASCII.Em seguida, apresentamos a decodificação original que pode ser vista em psychedelicadventure ou logosmythos.net. 

Igualmente no telegraph.co.uk ou lucypringle.co.uk.

Em relação aos trabalhos científicos de decodificação e interpretação, recomendamos visitar independent.co.uk 

Também encontrará uma extensa coleção de interpretações fornecidos pela comunidade científica independente emcropcircleconnector.com. 

Analisando a mensagem impressa no disco, e depois de analisar todas as interpretações e contribuições, apresentamos a seguir um breve resumo delas, baseado na equação de Euler e a anomalia do espaço-tempo, e ainda uma dúvida na contagem regressiva. (3-2-1):

Síntese e aspectos comuns de interpretação:

1 º -. Há um consenso na comunidade científica, onde o código ASCII representa a equação de Euler, e, adicionalmente, contém uma frase dupla que representa binomio Euler sobreposto / Fibonacci, sobre o dilema de interpretação dupla de (Pi e Phi)

Euler = e ^ (i) pi +1 = 0 Euler / Fibonacci e ^ (phi) 1 = 0Ambas estas interpretações estão contidos no código ASCII, que contém adicionalmente uma outra premissa: Uma contagem regressiva curiosa.

Para todos: 3 (2010) – 2 (2011) – 1 (2012) = 0

2º -. Nós compilamos uma síntese esclarecedora de todas as contribuições de cada equipe de pesquisa, incluindo a nossa. Nós todos vimos a convergência das conclusões. O conteudo de toda a equação é a seguinte interpretação:http://2.bp.blogspot.com/_xyYFMwz4t6g/TARP3f5CunI/AAAAAAAADAI/34Dafk_Vjs8/s1600/Crop+11.jpg~~V

Explicação do esquema:

1 º -. Na parte superior, na contagem linear, para cada contagem regressiva, 3-2-1, chega-se a 0 (zero) agora, ou ausência de tempo. Não há tempo, ou não se refere a qualquer desastre natural, e sim a abertura de um portal dimensional que está sendo gerado na parte inferior do gráfico, a "realidade quântica". Grosseiramente falando, a realidade linear em que vivemos é un holograma.Para esta realidade em que vivemos está sendo esperada uma modificação do nosso DNA, e as cadeias de DNA explicativas, estão contidos no código ASCII, quando interagimos com a Equação Euler e segmentos. 

Em particular, a relação está contida nos Rayos Gama, pontes e seqüências de hidrogênio ATGC do nosso DNA. (Relação Ionogenomática). Também está contida, a relação entre os padrões de RF Harmônica e nosso diferencial KG (pacotes de Ressonância Schumann). Todos esses processos já estão operando em nosso DNA, e este ciclo vai durar três anos.(Para ser concluída neste período). A este nível, também, a atmosfera da terra, é ionizante. Está mudando para atender a ressonância necessária para o "0", que é no ponto, 13Hz em que a convergência ocorrerá a abertura do buraco Rossen de Einstein. Naquela época, um estado completamente aberto de matéria semelhante aos cristais (éter), coerente e harmoniosa com as mudanças que estão ocorrendo em nosso DNA.

2 º - No fundo, você vê, a sobreposição da Euler binomial / Fibonacci e sua formulação equivalente de planos alternativos ou hologramas convergentes e simétrica, como vimos na geometria hiper estudo: Hipergeometría: Las realidades alternativas son supersimétricas y los planos pueden superponerse.

Na verdade, também apreciar que, neste cenário, há três fases que coincidem no tempo com os eventos de entrada em um horizonte de eventos de uma ponte (Einstein-Rossen) Un agujero de Gusano. Das informações contidas nas equações parecem mostrar que cada posição dos diferentes setores e cenários é uma réplica exata que são simétricas uma à outra, e que correspondem a uma viagem ao passado: Estamos caminhando para a origem, ou vamos mudar de plano ou dimensão. Finalmente, é uma escolha entre vários planos possíveis. (Cenários alternativos diversos).http://4.bp.blogspot.com/_xyYFMwz4t6g/TAlnXotK06I/AAAAAAAADCw/Wia-Qq-IMiw/s1600/Crop+15.jpg~~V 

Começando a contagem regressiva Toward Plane Mudança Dimensional com múltiplos estágios.Analisando a mensagem impressa no disco, e depois de analisar todas as interpretações e contribuições, apresentamos a seguir um breve resumo, com base em Euler laecuación e espaço-tempo anomalia, e uma dúvida contagem regressiva. (3 – 2 –1) = (2010 – 2011 – 2012)Após dedução matemática aplicada ao círculo da colheita, a contagem regressiva acima mencionado termina precisamente em uma mudança de plano dimensional da Terra, para o qual o nosso ADN também já está sendo preparado, e, como resultado, a abertura de cenários alternativos entre o que cada pessoa, dependendo de sua livre vontade e consciência, escolher o que achar melhor.

Após a sua difusão na imprensa britânica, os matemáticos da Universidade de Londres Collegese ficaram incrivelmente surpresos com o que é inteligível à primeira vista. Não admira, mostrar um código ASCII, com uma mensagem que pode ser decodificado em nove dígitos do código binário.

Em suma, esta é a conclusão que leva a contagem regressiva refletida no crop circle encotrtado na colheita do Moinho Wilton: 

1. Começou a contagem regressiva para uma mudança de plano dimensional da Terra como um todo e, com isso, da humanidade.

2. Dada esta mudança, o nosso DNA está a se preparar para mutação.

3. No final desta contagem regressiva e, portanto, com alteração do plano dimensional será abertos cenários tridimensionais, energias não tradicionais e vibracionais entre cada pessoa eleita de acordo com o seu livre-arbítrio e de acordo com sua própria consciência e freqüência vibracional.O resumo das informações transmitidas pelo círculo da cultura de trigo é, portanto, uma espécie de telegrama ou e-mail alertando para a proximidade e perfis básicos de mudança.Claro, tanto quanto o progresso da contagem regressiva, quanto futuros círculos em plantações poderão expandir essas informações e oferecer novas visões práticas.
http://www.luminariasiluminare.com.br/
http://iluminareluminariascontemplativas.blogspot.com.br/

sábado, 28 de abril de 2012

Por que meditamos?





A meditação está ligada a muitos caminhos espirituais, mas seus benefícios fisiológicos têm encoberto o verdadeiro motivo desta prática. A meditação não tem como objetivo combater o estresse ou a pressão alta, essa prática leva ao autoconhecimento e este deve ser o seu verdadeiro objetivo. Saiba mais nesta entrevista com a instrutora e praticante de meditação Myoshin Kelley.
1. Como a meditação está ligada à espiritualidade? Isso realmente depende de como você define espiritualidade. A palavra pode significar coisas diferentes para pessoas diferentes. Se você a define como “o despertar para quem realmente somos” ou ainda como “viver em um espaço de verdade encarnada”, a meditação é o processo pelo qual acordamos para essa realidade. É o que podemos fazer para esclarecer e olharmos para as coisas como elas realmente são em vez de sermos levados por percepções equivocadas que nos deixam perplexos, confusos e nos sentindo alienados dentro de nossas próprias vidas.
2. Por que é tão difícil manter a atenção no momento presente? Temos o hábito de sempre procurar a felicidade fora de nós mesmos. Por isso, precisamos mudar e nos ajustar constantemente para encontrar o estado ilusório de bem-estar. Assim, quando algo do qual não gostamos nos acontece, é preciso que nos livremos do ocorrido ou ainda quando alguma coisa promete felicidade, precisamos ter mais do mesmo ou perseguir essa impressão. Relacionamo-nos com a vida de forma que alguma coisa sempre nos é necessária e, assim, criamos hábitos de reatividade na mente. Quando não temos consciência disso, simplesmente repetimos essas respostas condicionadas inúmeras vezes. Elas se tornam muito familiares, mesmo as que podem nos causar desconforto, pois, pelo menos, permanecemos no terreno do familiar. Muitas vezes, gastamos tanto tempo do nosso dia vivendo dessa maneira que somente quando começamos a fazer uma tentativa de nos mantermos conscientes e plenamente presentes é que sentimos a grande força de impulso dos nossos hábitos. Parece mais fácil seguir tais hábitos do que enfrentá-los, especialmente porque, por vezes, enfrentar algo como a raiva não é a experiência mais agradável do mundo.
3. Como a prática da atenção pode nos aproximar da paz? Nossa natureza básica é de paz, alegria e felicidade. A meditação é apenas um caminho para redescobrir esses estados. Seu funcionamento é muito simples, na verdade, é tão simples que muitas vezes ignoramos seu poder. Começamos por simplesmente nos mantermos presentes em nossa experiência a partir da perspectiva da consciência. A consciência não julga, não valoriza uma coisa em detrimento de outra, ela simplesmente reflete a coisa como ela é. Por exemplo, em um momento de medo, nós reconhecemos a experiência do medo, mas não tentamos nos livrar dela ou não acreditamos em tudo que tal experiência está nos dizendo. Nós não nos tornamos a pessoa que tem medo, nós apenas reconhecemos que o estado de medo está presente. Na verdade, usamos essa experiência para estarmos presentes e o medo se torna um aliado. Nesse momento, já que não estamos lutando com esse estado, a mente naturalmente começa a se acalmar. A partir daí, começamos a encontrar mais espaço na mente, temos mais abertura, mais calma e paz. Com esse novo espaço, descobrimos as qualidades inatas interiores de amor, bondade, compaixão e sabedoria. Realmente, começamos a enxergar que esses estados de espírito, como o medo, são como ondas na superfície do oceano e que a paz e a calma sempre estiveram lá. É uma mudança simples que pode ter um impacto enorme sobre a maneira que vivemos nossas vidas.

segunda-feira, 23 de abril de 2012

Neurofisiologia da Meditação



A meditação é considerada hoje uma poderosa ferramenta para combater os principais desequilíbrios causados pela vida moderna, tais como: estresse, insônia e depressão.
Mas, ao olharmos apenas para os benefícios fisiológicos dessa prática, estamos desconsiderando seu contexto original, relacionado com estruturas espirituais. A prática regular da meditação deve proporcionar maior clareza mental e discernimentos nas escolhas e ações do meditador.
Leia a entrevista com Roberto Simões, coautor do livro Neurofisiologia da Meditação e coloque a meditação em seu devido lugar.
Quais os principais efeitos fisiológicos do estilo de vida urbano atual? Sinceramente, não considero verdadeiro o senso comum atual que avalia o nosso estilo de vida urbano atual como mais estressante do que o da idade média, por exemplo. A vida humana foi, é e sempre será trágica e cheia de vicissitudes a serem vividas. Dessa forma, a fisiologia de um operador de bolsas de Wall Street ou um operário do ABC, um agricultor de Minas Gerais ou um hippie que vive em uma comunidade alternativa pode ser a mesma. Os seres humanos não são apenas frutos da criação (sociedade, cultura) ou da natureza (fisiologia, genética), somos seres bioculturais, ou seja, animais nascidos e, sobretudo, geridos no caldo da sua fisiologia, da sua cognição, da cultura em que estão inseridos e dos símbolos (semânticas, visões de mundo) que construíram (e passam a vida construindo) para eles; somos isso tudo ao mesmo tempo agora, alterando-nos constantemente até o fim da vida.
Como a meditação “remedia” esses efeitos? A meditação é vista por muitos como a grande panaceia do mundo moderno. Ela não cura tudo e não vai ajudar a humanidade a ser mais “humana” e “feliz”. A meditação faz parte de estruturas religiosas/espirituais, como o Budismo, o Yoga, o Hinduísmo, entre outras. A sua aplicação sempre foi associada ao contexto espiritual. Sua prática laica começou há menos de 30 anos apenas; ao lado de cinco mil anos de história, isso não é nada. Vou me explicar melhor, não é só “sentar e meditar por alguns minutos por dia” para se beneficiar da ação de alguns neurotransmissores e hormônios. Não acredito nisso. A meditação, como prática propriamente dita, dentro da estrutura religiosa/espiritual do Yoga, é apenas um passo dentro dos oito sistematizados por Patanjali em seus Yoga Sutras (texto clássico do Yoga). Só meditar não remedia nada se o meditador não souber o que fazer com isso. Mesmo na medicina integrativa e complementar, que se utiliza de algumas técnicas meditativas advindas de estruturas religiosas/espirituais, os benefícios orgânicos não podem estar dissociados de outros fatores cognitivos, psicológicos, culturais e simbólicos das pessoas que praticam a meditação de forma laica, mesmo que alguns assim o acreditem. Dessa forma, os estudos indicam benefícios orgânicos, sim eles acontecem, mas os reais benefícios advêm dos anos de prática, que devem navegar ao lado de alterações sociais, cognitivas, fisiológicas e semânticas. A meditação deve trazer um estado de consciência mais equânime e menos confuso. Um estado integrativo que, ao longo das práticas, possibilite ao adepto um saber com discernimento que o Yoga chama de viveka. Esse saber discriminador possibilita ao adepto do Yoga avaliar constantemente suas atitudes, comportamentos e hábitos que podem ser nefastos a ele e ao mundo a sua volta.
Agora, sob o olhar laico da fisiologia, a meditação pode diminuir a ação da noradrenalina no cérebro que, por sua vez, minimiza a sua ação em regiões específicas do cérebro que, ao final, faz as glândulas supra-renais secretarem menos cortisol, o principal hormônio do estresse.
Como a meditação influencia no estilo de vida do praticante? Como eu disse, a meditação em si não muda nenhum estilo de vida, no sentido filosófico, mas meditar nos dias de hoje, ser budista e praticar Yoga é considerado “chique”, isso faz com que muita gente mude o seu estilo de vida,  pois se tornou uma maneira de mostrar seu nível social. O que muda o estilo de vida é viver o Yoga, no qual a meditação faz parte de sua estrutura religiosa/espiritual, assim como praticar os yamas e niyamas (as condutas éticas do Yoga). Da mesma forma que um católico não muda o seu estilo de vida porque ora alguns minutos por dia, mas sim porque participa de uma comunidade, vivencia a missa e comunga uma doutrina.




HOLOGRAMAS, REALIDADES E ET’s



Uma mensagem de Jesus/Jeshua, canalizada por Judith Coates



Amados, mais uma vez iremos falar dos hologramas e das realidades – com “r” minúsculo – da ilusão que vocês estão vivendo, e falaremos sem julgarmos, mas com discernimento do que é a sua crença em relação à realidade, e como podem mudá-la. Iremos sugerir enfaticamente que vivam na alegria. É um livre arbítrio, assim vocês podem muito bem escolher serem felizes.

Por exemplo, apenas por diversão, expandam o seu holograma, expandam o que vêem como a sua realidade. Levem-na de volta ao Big Bang, quando o mundo físico foi criado. E então, se ousarem, imaginem antes do Big Bang. O que havia antes? Porque houve um antes, embora estivesse fora do tempo. Permitam que isto seja também parte do seu holograma.

Expandam o seu holograma. Levem-no até onde possam imaginar: sintam, criem para si mesmos o holograma que a Tudo absorve. E quando tiverem feito isto no que parece como o passado, expandam-no para o futuro. O que querem ver em seu holograma do futuro? Vejam como ele pode ser expansivo. Pode ser qualquer coisa que queiram que ele seja.

Isto é o que eu vi naquela noite no Jardim do Getsêmani. Eu vi que a cruz não era o final de tudo. Eu a vi como parte do processo da vida humana e o processo de mostrar que o corpo é uma criação de sua divindade, de sua Mente divina – com “M” maiúsculo. Eu me vi ascendendo, vivendo, até com moléculas físicas, durante anos após isto e tendo os relacionamentos com irmãos e irmãs, porque eu gosto da amizade, eu aprecio os relacionamentos com irmãos e irmãs. E eu fiz isto pelo que chamamos mais de seiscentos anos, até que finalmente foi o momento de permitir que o corpo que eu tinha criado, re-criado, fosse para a Luz que é a sua divindade.

Mas há mesmo momentos em que eu ainda re-crio, por um curto período de tempo, ou por um tempo mais longo, um corpo para entrar em sua vida, para estar próximo de vocês e lhes perguntar: “Como vão vocês? Vocês parecem estar lutando com alguma coisa.” Ou apenas para sorrir e dizer: “Tudo ficará bem.” Eu tenho feito isto com vocês de vez em quando. Quando vocês estiveram passando por algo e alguém se aproximou – talvez vocês o conhecessem, ou talvez não – e eu falei através dele ou criei um corpo momentaneamente para lhes dizer: “Tudo irá dar certo”.

E vocês se lamentaram, choraram, gritaram a sua frustração ao céu de tempos em tempos, quando se sentiram desolados, abandonados. Um pouco deste sentimento de abandono remonta à própria crucificação, ao tempo em que sentiram que eu os tinha abandonado. Mas eu nunca posso abandoná-los. Estamos unidos como Um no nível divino. Vocês nunca podem estar onde não estou. Estou sempre com vocês.

Expandam o seu holograma. Levem-no de volta até antes do Big Bang. Como isto seria? Vocês podem imaginar a amorfia? A Mente, apenas a Mente? Apenas ser? Porque houve, fora do tempo, um tempo em que apenas imaginaram, apenas Eram.

E então, a sua próxima questão foi: “O que eu posso criar?” Como vocês são uma extensão do Princípio Criativo, naturalmente, vocês iriam criar, e assim criaram as mais belas formações. Até neste dia e hora, quando olham para o que chamam de natureza e observam as belas formações, o fluxo de uma cachoeira, as formações rochosas, as samambaias, as clareiras que são verdes e que brilham com o orvalho da manhã. Vocês olham para o pôr-do-sol, cada um diferente do anterior; vocês criam. E se tiverem olhos para ver, isto irá alegrar o seu coração.

Permitam-se colocar toda esta beleza em seu holograma e saibam que realmente isto é criação sua. Será que a cachoeira existiria se vocês não estivessem lá para contemplá-la? Boa pergunta. Divirtam-se com esta pergunta. Vocês virão com uma resposta. Estará a resposta certa? Naturalmente ela estará certa, porque na verdade, não há certo ou errado: apenas há.

Então, permitam-se expandir o holograma e o levem ao futuro. Enquanto estiverem atraindo a respiração, irão entrar no que chamam de futuro pessoal, a criação do seu futuro. E depois que deixarem de respirar, ainda serão. Vocês ainda serão consciência, e muitos ficaram surpreendidos: “Eu ainda estou vivo! Eu ainda tenho e sou consciência.” E vocês se perguntaram: “Como pode ser isto? Eu pensei que tudo terminava e fosse para o céu, ou talvez para algum lugar depois que eu deitasse o meu corpo, mas ainda estou vivo.”

Claro que vocês estão ainda vivos. Estiveram sempre e estarão expressando a divindade e a experienciando. Assim, expandam o seu holograma. Permitam-no ser tão expansivo quanto possam imaginar, e então no dia seguinte, divirtam-se com ele novamente e vejam se podem estendê-lo um pouco mais. E quando fizerem isto, vocês chegam ao espaço em que compreendem: “Estou expandindo, estou criando, estou absorvendo a minha consciência, a minha percepção, mais e mais de quem e o que eu sou. E se eu estou fazendo isto, ei, eu não sou apenas um pedaço pequeno e maçante do mundo fisco. Eu devo ser poderoso; não como o mundo define o poder, mas devo ser poderoso no sentido divino de criar”. E vocês são.

No holograma expandido vocês irão se lembrar de vidas em que não estavam na sagrada Mãe Terra. Irão se lembrar de existências em que estiveram em outras constelações estelares e planetas, em outros corpos celestes, onde eram um corpo celeste. Sua forma pode ter sido inteiramente diferente. Na verdade, era diferente do que vocês evoluíram na sagrada Mãe Terra.
Houve existências – e eu chamarei qualquer forma de encarnação que a sua divindade criativa lhes permitiu, eu chamarei a isto de vida, seja ela longa ou breve – onde vocês foram cristal líquido no pensamento, fluindo, ou onde foram uma forma densa, como as montanhas. 

Houve existências em que foram muito, muito altos, com ombros muito largos, ou que pareciam parte animal, parte humano, como vocês têm agora no que são chamadas de lendas mitológicas.
Vocês foram todos os seus seres lendários. Vocês foram o unicórnio. Foram aquele que era parte do sexo feminino e parte peixe – a sereia. Vocês foram tudo que está em suas histórias lendárias. Caso contrário, isto não ressoaria com vocês. Não estaria em sua lembrança intelectual.
Vocês foram tudo o que possam imaginar. Foram a mais minúscula flor alpina. Foram a gigantesca árvore sequóia, vivendo centenas de anos e observando os pequenos humanos correndo por aí, fazendo o que eles pensavam ser muito importante, enquanto vocês apenas continuavam vivendo como a gigantesca árvore sequóia. Vocês foram a mosca da fruta que vive por um dia aproximadamente, e naquele dia vocês viveram toda uma existência.

Assim, permitam-se saber que isto não é tudo o que existe. A forma humana funciona nesta realidade, de modo que possam falar com os irmãos e irmãs e eles possam compreendê-los e se relacionarem com vocês. Eles não têm medo porque vocês parecem estranhos. Vocês têm entre vocês aqueles que vieram de outras constelações estelares, não da Terra, mas além da Terra. Vocês os chamam de ET’s, extraterrestres, e eles estão entre vocês agora. Alguns deles assumiram a forma humana, de modo que não tentem suprimi-los. Talvez vocês os ouçam.

Alguns de vocês – e ouçam isto bem – são na verdade ET’s. Agora, eu sei que isto os inquieta. Isto é bom. Alguns de vocês – na verdade, a maior parte de vocês que está lendo esta mensagem – são os ET’s na forma humana, porque não querem assustar os irmãos e irmãs, mas querem ser capazes de falar com eles da vida sobre outros corpos planetários, e querem lhes permitir compreender que há vida em outros lugares.

É arrogância tola, orgulho, pensamento egoísta dizer que há somente vida na sagrada Mãe Terra. Vocês não são – como humanóides que são - a única vida inteligente. Em verdade, há alguns dos seus seres de quatro patas que desafiariam esta afirmação. Eles têm mais inteligência, mais amor para dar livremente do que as formas humanas.

Vocês estão aqui porque tiveram vidas em outros corpos planetários e são os ET’s. É por isto que comecei esta mensagem falando-lhes de expandirem o seu holograma e levá-los de volta tanto quanto possam imaginar e se aceitarem como sendo mais do que se conhecem nesta vida.
Como é isto? “Bem, interessante... Hum, eu terei que participar disto por algum tempo. Eu pensei que era apenas humano. Pensei que já tinha o suficiente com que lutar, e agora ele está me dizendo que há mais para mim do que eu pensei que houvesse?” Sim, quando se fala sobre os ET’s entre vocês, vocês sabem disto. Podem senti-lo como uma verdade em seu ser. Isto não significa que vocês irão mudar de forma imediatamente e terem olhos esbugalhados e o rosto muito longo, um grande pescoço, o corpo magro, etc, que foi colocado na sua tão chamada ficção. Vocês irão manter a forma que é aceita, mas a sua consciência de si mesmos está mudando, expandindo-se.

Saibam que é por isto que vocês sentiram desde que eram crianças que esta sagrada Mãe Terra não era o seu lar, onde muitas vezes sentiram que não se adaptavam perfeitamente. Vocês se esforçaram para ser como o resto, mas havia algo um pouco diferente sobre si mesmos. Não sabiam o que era, e ninguém mais também, porque eles não eram suficientemente sábios. Eles não tinham expandido o seu holograma.

Mas, como estão expandindo o seu holograma e se permitindo entreter com a idéia de que talvez vocês sejam muito mais do que pensavam, muito mais do que os pais, os avós, os colegas, já disseram que vocês são, pois vocês permitem que o holograma se expanda e compreendem que são verdadeiramente ET’s, então tudo muda da maneira como vocês encaram as coisas. Vocês começam a se ver sob uma nova luz, uma luz mais expandida, e começam a convidar outros ET’s para se tornarem conhecidos a vocês.

A sagrada Mãe Terra é maravilhosa. Eu tive muitas vidas em que apreciava a sagrada Mãe Terra e tudo o que nós criamos. Pois, na verdade, nós criamos – como os ET’s que vocês estão se entendendo ser – nós viemos e unimos a nossa Luz para formar a sagrada Mãe Terra. Ela é um ser de Luz feita de nossa Luz a partir de muito, muito tempo atrás.

No início, ela não tinha a forma de agora. Houve um tempo, até os seus cientistas lhes dirão, em que a atmosfera e o que é chamado de terra firme agora, não era tão firme. Era mais vapor e luz – era nebulosa, talvez vocês poderiam chamá-la. E nós tornamos a Mãe Terra mais e mais densa. Nós usamos a nossa Luz, a nossa criatividade, e a trouxemos à forma, e permitimos que ela se solidificasse mais e mais, de modo que pudéssemos então colocar as nossas vibrações nos mares e na terra firme para vivermos.

Inicialmente, éramos seres de Luz, vivendo na Luz. Mas então houve um pensamento para trazer à densidade, para tornar mais firme a Luz, para alterar o nível vibracional. É isto verdadeiramente o que fizemos.

Agora vocês estão começando a compreender os níveis vibracionais. Vocês podem sentir a vibração. Vocês caminham em uma sala, e se aqueles naquela sala estiverem felizes, vocês podem sentir esta vibração. É uma sensação boa e vocês querem ficar lá. Ou podem entrar em uma sala, onde as pessoas estiveram se sentindo muito deprimidas, julgando-se e aos outros, discutindo talvez, e vocês podem sentir esta vibração e assim que têm oportunidade, saem.
Assim, vocês conhecem o nível vibratório. Não é algo que seja apenas um termo intelectual. É algo que vocês sentem, algo que conhecem interiormente. E isto está mudando.

E com a mudança vibratória tem havido muitas questões sobre outras formas de vida. Há muita especulação sobre os ET’s e como eles podem ser estranhos, tem havido questões sobre se eles irão ou não visitar a Terra, ou se já a visitaram, e sobre qual a tecnologia que lhes dizem respeito, e que eles os levarão de volta ao seu planeta natal. Bem, eu lhes digo, enquanto expandem o seu holograma, que vocês irão compreender que o seu planeta natal é o seu planeta, também. Ele foi e pode ser novamente, porque há sempre o livre arbítrio depois que vocês liberam determinada forma, conhecida como corpo humano.

Há o livre arbítrio, assim vocês podem ter amizade com a energia vibratória dos ET’s mesmo agora. É isto que vocês estão fazendo quando entram em ressonância com outros. Vocês entraram em um grupo de “pessoas de mentes afins” e se sentem no lar. É porque vocês estão com aqueles que conheceram em outros corpos planetários.

Divirtam-se com as idéias que eu sugeri. Divirtam-se com as idéias sobre expandir o seu holograma tanto quanto possam imaginar, mesmo antes do Big Bang. Imaginem como seria ser apenas Mente; não ter qualquer forma encarnada. Como seria fluir sem esforço? Como seria expandir a Mente em sua forma energética e saber que vocês são energia na forma, e como usariam esta energia?

Que tipo de tecnologia é necessário para fazer uma nave espacial? Naves espaciais são energias aglutinadas, mas vocês já sabiam disto. E como vocês já sabiam disto? Porque vocês já estiveram em naves espaciais, e eu não estou falando que vocês foram abduzidos e levados contra a sua vontade. Estou falando que verdadeiramente vocês conheceram as viagens espaciais. De onde viria esta idéia se não fosse verdade? Deixem que isto ressoe por um momento.

Toda a sua ficção científica – não é ficção, e não é exatamente científica também – vem de uma lembrança de uma verdade – “v” minúsculo – que vocês experienciaram, que vocês criaram. Divirtam-se com a expansão de sua própria consciência para saberem que a razão pela qual não se sentiram exatamente no lar aqui, é porque são de outro mundo, são ET’s, são aqueles que foram corajosamente onde outros nem mesmo sonharam em ir, e os que ousam sonhar estão aumentando em número.

Agora, eu lhes falei de uma forma muito simples, e vocês estão preparados para ouvir. Vocês pediram para ouvir isto. Vocês queriam saber: “Por que me sinto deslocado? Por que tenho sentimentos que não posso explicar?” É porque vocês ultrapassam o que é conhecido como humano. Vocês são ET’s. Despertem e vivam. Esta é a incumbência que lhes dou: despertem e vivam a sua divindade em toda a sua história criativa e diversidade. Expandam o seu holograma, a sua realidade, até que conheçam a sua Realidade, como eu conheci a Minha.

Que assim seja.

Jeshua ben Joseph expressando-se através de Judith Coates


http://www.luminariasiluminare.com.br/
http://iluminareluminariascontemplativas.blogspot.com.br/

Seguidores