segunda-feira, 24 de setembro de 2012

Chakras



Chakra é uma palavra que vem do sânscrito, que significa roda ou circulo e designa os centros de energia subtil localizados no corpo de qualquer ser vivo.


É através dos Chakras que se estabelecem as trocas de energia entre o nosso organismo e o Universo. O seu funcionamento condiciona e regula a nossa forma de estar na vida, a forma como nos inter accionamos socialmente, entre muitos outros factores.

O equilíbrio e o bom funcionamento dos Chakras são fundamentais para um bem estar geral. Embora existam mais Chakras no nosso corpo vamos falar primeiramente dos sete Chakras, aqueles que têm sido os mais estudados, seguidamente abordaremos os novos cinco Chakras, que estão a exercer a sua influência sobre o nosso ser.

CHAKRA BÁSICO (Muladhara)

Situa-se na base da coluna vertebral, na zona do cóccix.
É o centro energético da sobrevivência e da força vital, governa a capacidade de enraizamento, de funcionar no mundo físico, a nossa correlação com a parte material da vida, com os bens materiais e com tudo o que é físico, rijo, como por exemplo os ossos.

Rege o nosso relacionamento com os nossos pais, avós, tios, etc. É também a raiz da nossa individualidade e estabilidade. É regra geral associado aos rins, glândulas supra renais e influencia o sentido do cheiro.
Está associado ao elemento Terra, ao reino mineral e à cor vermelha. A nota musical correspondente é o dó.

CHAKRA SEXUAL (Svadhisthana)

Situa-se entre o osso púbico e o umbigo. É o centro do sentir, da sensualidade, da feminilidade, do equilíbrio, do desejo, do assimilar, do misturar-nos com os outros.
Nele estão gravadas as memórias das censuras ou das brutalidades de que fomos alvos com os traumas daí resultantes e sentimentos de culpabilidade.


Está associado aos órgãos sexuais, útero, ovários, próstata e influencia o sentido do gosto. Está associado ao elemento Água, ao reino das plantas e à cor laranja. A nota musical correspondente é o ré.

CHAKRA DO PLEXO SOLAR (Manipura)

Situa-se na zona do estômago, a igual distância do umbigo e da base do externo (no plexo solar).
É o centro que governa os aspectos intelectuais e mentais do campo energético. É também o centro do nosso poder pessoal, de auto-dignidade, responsabilidade e insegurança.
Está associado ao estômago, baço, pâncreas, fígado, vesícula biliar e influencia o sentido da vista.


Governa o sistema de digestão e assimilação, tanto dos alimentos como das emoções. Está também associado aos elementos Ar e Fogo, ao reino animal e à cor amarela. A nota musical correspondente é o mi.

CHAKRA CARDÍACO (Anahata)

Situado ao centro do externo, na zona do coração. Este é o cento que representa o ponto de equilíbrio e a passagem entre os mundos físico e não-físico.

É o centro do amor-próprio, do ódio, amargura e ressentimento, mas também do perdão, da compaixão, da aceitação, da esperança, da confiança, do amor absoluto e incondicional.


Está associado ao coração, sistema circulatório, pulmões, diafragma, tino e influencia o sentido do tacto.
Está também associado aos elementos Fogo e Ar, ao reino humano e à cor verde. A nota musical correspondente é o fá.

CHAKRA LARÍNGEO (Vishuddha)

Situado na garganta. É o centro da criatividade, auto-expressão e comunicação a vários níveis. Está associado à garganta, nuca, queixos, ouvidos, aparelho vocal e influencia o sentido do ouvido.

Está também associado ao elemento Éter, ao reino planetário e à cor azul (claro). A nota musical correspondente é o sol.

CHAKRA FRONTAL (Ajna)

Situado do centro da testa, ligeiramente acima das sobrancelhas. É o centro da intuição, da sabedoria e o guardador da memória da alma.

Este centro ajuda a ver e a perceber a um nível universal, fazendo dissolver o sentido de um "ser" separado, identificado ao ego, coordena o conjunto de todos os sentidos, permitindo a actuação de cada um, ou do conjunto, em campos de frequência bem para além do considerado normal. Isto é, permite a percepção extra-sensorial. É o centro da intuição e do início da espiritualidade.

É associado ao cérebro, sistema nervoso, olhos, ouvidos, nariz, sinus e glândulas pineal e pituitária.
Está também associado ao reino angélico e à cor índigo (azul escuro). A nota musical correspondente é o lá.

CHAKRA CORONÁRIO (Sahasrara)

Situado no topo da cabeça. É o centro da espiritualidade, das nossas possibilidades ilimitadas e de oportunidades infinitas para um crescimento espiritual, da comunicação com o Reino dos Céus e com o nosso Eu Superior.

Está associado à cor violeta, roxo ou dourado. A nota musical correspondente é o si.

Vamos seguidamente abordar os novos cinco Chakras que começaram a funcionar mais em plenitude sob o influxo da acção dos Venusianos a partir de 15 de Agosto de 1999, sob o Impulso de OSHTMIUK. Estes novos Chakras são o Portão Estelar, a Estrela da Alma, o Chakra Causal, o Chakra Coordenador e a Estrela da Terra.

CHAKRA PORTÃO ESTELAR

Situado a uns 30cm acima do crânio.
A sua função é fazer a conexão do Ser com o Cosmos, de modo a que se sinta as vibrações que vêm do Espaço.


De cor Opalino, quando trabalhado este Chakra opera a transformação Divina. Pode ser trabalhado com o Chakra da coroa.

CHAKRA ESTRELA DA ALMA

Situado no plano éterico, dentro do Óvoide de Luz, a uns 15 cm acima da cabeça.

Faz-no entrar em contacto com o Cristo Pessoal, que é o Regente da Alma.
Neste chakra a mensagem que vem do Espaço, do nível ou Esfera Crística é traduzida para a Alma, adaptando-se à sua linguagem pessoal, a fim de compreender os inúmeros símbolos que chegam, muitas vezes incompreensíveis.

É por este chakra que a linguagem simbólica passa a ser aceite pelos códigos verbal e visual, transformando-se na linguagem do Cristo, quando então a Alma a pode compreender.

Para descodificar mensagens é necessário activar este chakra, necessitando sintonizá-lo conscientemente.
Este chakra pertence aos corpos subtis da 4.ª Dimensão.Na recepção de mensagens trabalha afinado com o Chakra da Coroa.

CHAKRA CAUSAL

Situado no alto, atrás do crânio. Não só entra em contacto com o corpo, como mexe com o trabalho de unidade.
Desenvolve a Unidade do Ser com o Cosmos e subtiliza a matéria.
Ajuda a resolver a confusão e o caos, introduzindo a ordem e a Luz. É de cor Dourado Solar e lança as informações para o corpo físico e vai, dessa forma alimentando o ser. Deve ser trabalhado com o Chakra do Plexo Solar.

Os mantras para estes chakras são:
- Portão Estelar - ONOMI NAUA
- Estrela da Alma - SUM YAMI
- Chakra Causal - KALA RAMA

ONOMI NAUA - é uma palavra Irdin e significa sintonização da Energia Cósmica.

SUM YAMI - significa assumir o corpo do Deus do Sol na Alma (a origem é Centauriana)

KALA RAMA - construção física do corpo de glória ou corpo de Luz (a origem é Venusiana).

CHAKRA COORDENADOR

Situado atrás da nuca, abaixo da Chakra causal.

O seu Raio é o branco, da pureza e da esperança. Relaciona-se com o hipotálamo e sua função é fazer com que o nosso plexo Solar tenha uma actividade menor, os está ligado ao Astral inferior. Ou seja, diminuindo o astral inferior e aumentando o superior, poderemos actuar com o plexo e começar a fazê-lo com a cabeça, num plano superior.

É uma maneira de subtilizar o corpo físico, diminuindo suas necessidades e aumentando as superiores. É nesse processo que podemos nos conectar com as nossas asas.

CHAKRA ESTRELA DA TERRA

Situa-se abaixo do Ovóide que cerca o Ser.
É conectado directamente com o Chakra básico.

http://www.luminariasiluminare.com.br/
http://iluminareluminariascontemplativas.blogspot.com.br/


Texto extraído do livro:
"Transmissões Cristalinas" de Katrina Raphael.

Nenhum comentário:

Seguidores