domingo, 13 de outubro de 2013

Quer evitar a barriguinha aos 40? Confira dicas de especialistas


Uma cintura com mais de 88,9 cm entre mulheres e 102 cm entre homens representa risco maior de desenvolver problemas do coração e diabetes.
​A barriga protuberante após os 40 anos faz com que alguns homens e mulheres se desesperem: é um dos primeiros sinais da meia-idade se aproximando. De alguma forma, parece quase garantido que, nessa idade, aquele pneuzinho vai se formar na cintura, levando muitos a recorrer a novas estratégias de dietas.
Empregos estressantes, que deixem pouco tempo para que se pratiquem as duas horas e meia de exercícios físicos semanais recomendadas, além de muitas refeições feitas na rua, que muitas vezes têm alto conteúdo calórico – esse estilo de vida, comum a muita gente, faz com que aumente a gordura abdominal no corpo.
A má notícia é que o excesso de peso, especialmente na cintura, eleva os riscos de males cardíacos, derrames, alguns tipos de câncer e diabetes tipo 2.
Comida, hobbies e dança
A maneira de prevenir isso é adotar um estilo de vida mais saudável ou encontrar um hobby que resulte em alto gasto de energia, diz Michael Symonds, professor de desenvolvimento fisiológico da Universidade de Nottingham (Reino Unido).
Ele próprio diz que mantém o mesmo peso que tinha aos 20 anos, apesar da grande quantidade de trabalho e de ter seis filhos. Seu segredo, diz, é pedalar 32 km por dia.
E acrescenta: “Pesquisas mostram que padrões inconstantes de sono também têm um impacto (no sobrepeso). Por causa disso, a propensão à obesidade é maior entre trabalhadores que têm turnos de trabalho em horários diferentes”.
Katya Mileva, pesquisadora-sênior na Academia do Esporte da Universidade de Suth Bank, em Londres, sugere a dança como forma de pessoas entre 50 e 60 anos se manterem saudáveis. “Danças energéticas latinas (como samba e salsa) são atividades aeróbicas bastante dinâmicas”, que também servem como distração, opina Mileva.
Ela também recomenda atividades que exercitam a mente, como tai chi chuan e ioga.
Medida de cintura
Muitas dessas dicas são de senso comum, mas a grande questão é saber quando agir – e fotos muitas vezes são uma ferramenta útil, por evidenciarem as diferenças na barriguinha em diferentes períodos da vida.
O passo seguinte é medir a circunferência abdominal, um importante indicativo de quão saudável estamos.
O Fórum Nacional de Obesidade britânico diz que uma cintura com mais de 88,9 cm entre mulheres e 102 cm entre homens representa “um risco substancialmente maior” de desenvolver problemas do coração e diabetes tipo 2.
Mas mesmo uma circunferência abdominal de 81,3 cm para mulheres e 94 cm para homens traz riscos à saúde. O motivo, dizem especialistas, é que o acúmulo de gordura na barriga faz com que as artérias se estreitem, algo que a gordura dos quadris não faz.
Cintura x peso
Pesquisadores dizem que todas as pessoas deveriam manter sua medida de cintura em menos da metade de seu peso. Isso significa que um homem de 1,82 m de altura deve ter uma cintura menor que 91 cm; uma mulher de 1,62 m não deve ter cintura maior do que 81 cm.
Ao mesmo tempo, à medida que envelhecemos, fica mais difícil perder peso, já que nossa composição corporal muda.
Isso é parte de um processo natural, diz Michael Symonds. “Entre os 30 e 40 anos, as pessoas tendem a se exercitar menos, e mudanças no metabolismo causam uma predisposição ao maior acúmulo de gordura.



Nenhum comentário:

Seguidores