quarta-feira, 25 de fevereiro de 2015

Conscin e Consciex



Agora  iremos entender o significado destes neologismos e vamos explicar também a questão de amparadores e assediadores: quem são?
 Qual a interação que existe entre nós com eles?
 Quais as suas funções? Por que precisamos aprender a lidar com eles?
 E vamos desbravar também a consciência intrafísica, de forma a entender: por que agimos de uma maneira que sabemos que é errada?; como corrigirmos sem nos punirmos severamente?


                                          Entre e confira nossas luminarias personalizadas

Consciex (Consciência Extrafísica) é toda consciência que esteja no plano extrafísico, ou seja, são todos aqueles que já dessomaram (morreram). Também é conhecida como espírito, alma, fantasma, etc. Claro que estas definições são místicas ou religiosas, o termo Consciex é o mais neutro que podemos utilizar para nos referir àqueles que já estão no extrafísico.
    Podemos dividir as Consciexes em várias instâncias; iremos entretanto dividi-las aqui em duas categorias para um entendimento didático mais fácil de assimilar: Consciex Amparadora e Consciex Assediadora.
    A Consciex Amparadora é aquela que está um pouco mais evoluída que nós, e que nos acompanha amparando e auxiliando (quando solicitada) nossa caminhada evolutiva. Sempre prontos a ajudar, é o nosso ''porto seguro'' no extrafísico. Foram grandes amigos nossos em outras seriéxis (vidas passadas) e continuam alí conosco para garantir nossa evolução.
    Já a Consciex Assediadora é, como o próprio nome diz, aquela consciência que busca assediar, ludibriar, comandar, entorpecer, possuir, manipular ou instigar uma Conscin (nós) a fazer coisas que nos tirem do rumo evolutivo e façam com que criemos interprisões ou situações que nos prejudiquem multidimensionalmente, ou seja, aqui no intrafísico e no extrafísico também. É importante ressaltarmos que nem por isso, o assediador tem que ser visto como uma consciência ruim. Na realidade, ela é uma consciência que precisa de esclarecimento para que possa parar de assediar e seguir seu rumo. Precisamos ter este discernimento para que possamos assistir ou encaminhar esta par alguém que possa dar assistência (um amparador ou algo parecido). Quanto mais patológica (mais doentia) for a Consciex, mais assistência ela precisa.
    Então já sabe: nada de ter medo das consciexes, vamos assistir (ajudar) elas

Consciex Amparadora e Conscin

Conscin

    Olá! Hoje vamos entender este conceito que intitula nosso post.
    Conscin é a junção de duas palavras: Consciência Intrafísica. É o neologismo utilizado na Conscienciologia e na Projeciologia para designar a consciência que possui o corpo físico (o soma) e se manifesta na dimensão física em que estamos.
    Ou seja gente: Conscin somos todos nós, consciências que ainda não dessomaram (fizeram o descarte do corpo físico, soma).
    Este período intrafísico que chamamos de Série Existencial (esta vida que temos atualmente) é a nossa oportunidade de explorar nossas fissuras (defeitos, problemas, medos) para transforma-los em qualidades, em Traços Força (aquele traço bom, qualidade, força psico-consciencial). É a chance que temos de poder interagir com diversos tipos de consciências (intra e extrafísicas) a ponto de poder aproveitar ao máximo as experiências adquiridas, evoluindo e buscando saber mais.
    Aprendemos com os nossos próprios erros e acertos. Inclusive com os erros e acertos dos outros, claro. Precisamos desfrutar esta vivência de forma sublime, buscando o equilíbrioholossomático, otimizando a experiência. Por isso que a auto-pesquisa torna-se tão importante: quem melhor para conhecermo-nos do que nós mesmos? Precisamos dissecar nossa consciência a ponto de entender por que agimos de tal maneira, por que temos certos vícios ou manias. Nós, e somente nós, podemos entender o que se passa conosco.
    Esta é a maneira de corrigirmos nossas posturas e nossas atitudes sem gerar traumas ou cicatrizes doloridas como feridas abertas: auto-pesquisando, entendendo e superando nossos defeitos, ou melhor, Traços Fardos.
    Parece ser bastante simples, não? Pois eu posso assegurar que não é. É difícil você se auto-confrontar. Você pegar um defeito seu em suas mãos, olhá-lo e ver-se refletido nele. Dá medo. Dá angústia. Dá vontade de desistir. Mas eu posso afirmar, não desistir de entender seus Traços Fardos vai fazer você entender-se de uma forma tão grande, que aquele defeito que você tinha vai virar uma qualidade. Eis, meus caros colegas, o que chamamos de evolução: a superação de auto-corrupções, medos e defeitos, em suma, de seus Traços Fardos.

Consciex

    Boa tarde a todos os colegas evolutivos. Peço desculpas pela ausência e a consequente desregulagem nas postagens do Lucidez Intrafísica. Porém, cá estamos novamente para continuar o último tema.
    Consciex (Consciência Extrafísica) é toda consciência que esteja no plano extrafísico, ou seja, são todos aqueles que já dessomaram (morreram). Também é conhecida como espírito, alma, fantasma, etc. Claro que estas definições são místicas ou religiosas, o termo Consciex é o mais neutro que podemos utilizar para nos referir àqueles que já estão no extrafísico.
    Podemos dividir as Consciexes em várias instâncias; iremos entretanto dividi-las aqui em duas categorias para um entendimento didático mais fácil de assimilar: Consciex Amparadora e Consciex Assediadora.
    A Consciex Amparadora é aquela que está um pouco mais evoluída que nós, e que nos acompanha amparando e auxiliando (quando solicitada) nossa caminhada evolutiva. Sempre prontos a ajudar, é o nosso ''porto seguro'' no extrafísico. Foram grandes amigos nossos em outras seriéxis (vidas passadas) e continuam alí conosco para garantir nossa evolução.
    Já a Consciex Assediadora é, como o próprio nome diz, aquela consciência que busca assediar, ludibriar, comandar, entorpecer, possuir, manipular ou instigar uma Conscin (nós) a fazer coisas que nos tirem do rumo evolutivo e façam com que criemos interprisões ou situações que nos prejudiquem multidimensionalmente, ou seja, aqui no intrafísico e no extrafísico também. É importante ressaltarmos que nem por isso, o assediador tem que ser visto como uma consciência ruim. Na realidade, ela é uma consciência que precisa de esclarecimento para que possa parar de assediar e seguir seu rumo. Precisamos ter este discernimento para que possamos assistir ou encaminhar esta par alguém que possa dar assistência (um amparador ou algo parecido). Quanto mais patológica (mais doentia) for a Consciex, mais assistência ela precisa.
   

Nenhum comentário:

Seguidores